Letras

Pesquisador

Vivian Mendes Lopes

Possui graduação em Licenciatura Português Inglês e mestrado em Linguística Aplicada pela Universidade Federal Fluminense (2005 e 2008). Cursou doutorado em Letras também pela Universidade Federal Fluminense (2014), na área de Teoria e Análise Linguística, com ênfase em Linguística Funcional Sistêmica.

Isabelle de Araujo Lima e Souza

Graduada em Ciências Sociais pela Universidade Federal de Viçosa (UFV), mestre em Letras pela Universidade Federal de Viçosa (UFV). Atuou como professora do Curso de Extensão em Língua Brasileira de Sinais (CELIB). No mestrado pesquisou a estrutura de participação da fala-em-interação em aulas de química para Surdos, com foco na interação em LIBRAS, sob a orientação da professora Wânia Terezinha Ladeira.

Bruno Salviano Gripp

Possui graduação em Grego - Bacharelado pela Universidade Federal de Minas Gerais (2006), mestrado em Letras pela Universidade Federal de Minas Gerais (2009) e doutorado em Letras (Letras Clássicas) pela Universidade de São Paulo (2015). Atualmente é professor assistente da Universidade Federal Fluminense. Tem experiência na área de Letras, com ênfase em Literaturas Clássicas, atuando principalmente nos seguintes temas: épica, poética, grécia arcaica, bucolismo e lírica grega arcaica.

Welton Pereira e Silva

Professor Adjunto no Instituto de Letras, Departamento de Letras Clássicas e Vernáculas, da Universidade Federal Fluminense. Doutor em Letras Vernáculas: Língua Portuguesa (UFRJ/PROEX-CAPES). Mestre em Letras: Estudos Linguísticos (UFV/CAPES). Licenciado em Letras: Português e Literatura (UFV). Licenciado em Português (Universidade de Coimbra - Portugal/PLI-Capes). Pós-doutorado na Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-Rio/FAPERJ).

Giovanna Lorena Ribeiro Chaves

Graduou-se em Letras (Licenciatura em Português e Alemão) pela Universidade Federal do Paraná (UFPR). É mestre pelo Programa de Pós-graduação em Letras da UFPR na área de concentração de Estudos Linguísticos e linha de pesquisa Alemão como Língua Estrangeira. Trabalhou como professora de alemão no Colégio Erasto Gaertner em Curitiba, e no Centro de Línguas e Interculturalidade da UFPR.

Giovana Cordeiro Campos

Atualmente, é Professora Adjunta de Tradução no Departamento de Línguas Estrangeiras Modernas (GLE) da Universidade Federal Fluminense (UFF), é Coordenadora do Laboratório de Estudos da Tradução - Labestrad/UFF e atua no Programa de Pós-Graduação em Estudos da Linguagem - PosLing (linha de pesquisa 2: Teorias do texto, do discurso e da tradução) na mesma instituição.

Nadja Pattresi de Souza e Silva

Doutora em Estudos de Linguagem pela Universidade Federal Fluminense (UFF) e mestre pela mesma instituição, atua principalmente nas áreas de Línguística e Língua Portuguesa. Sua área de interesse concentra-se, sobretudo, nos estudos do texto e do discurso, bem como nas pesquisas sobre o ensino de língua materna.Tem experiência na rede pública e privada de ensino, nos segmentos fundamental, médio e superior, com as disciplinas de Língua Portuguesa, Língua Inglesa e Linguística.

Rosane Santos Mauro Monnerat

Professor Titular da Universidade Federal Fluminense. Possui Graduação em Letras pela Universidade Federal Fluminense (1974), Mestrado em Letras pela Universidade Federal Fluminense (1983), Doutorado em Letras (Letras Vernáculas / Língua Portuguesa) pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (1998), tendo concluído Pós-Doutorado na Universidade Federal de Minas Gerais (agosto de 2007).

Fábio André Cardoso Coelho

Professor Adjunto de Língua Portuguesa, do Instituto de Letras, da Universidade Federal Fluminense (UFF - 2018). Doutor em Língua Portuguesa, pela Universidade do Estado Rio de Janeiro (UERJ-2010/2013). Mestre em Literatura Portuguesa, pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro, (UERJ-2005). Tem experiência na área de Letras e outras áreas, atuando principalmente nos seguintes temas: língua portuguesa, estilística, leitura, produção textual, metodologia de ensino de língua e literaturas, prática de ensino de língua e literaturas e linguística.

Aroldo Magno de Oliveira

Doutor em Letras pela Universidade Federal Fluminense (2007). Mestre em Letras pela Universidade Federal Fluminense (1997). Graduado em Letras pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (1987). Atualmente, é professor adjunto da Universidade Federal Fluminense. Tem experiência na área de Lingüística, com ênfase em Teoria e Análise Lingüística, atuando, principalmente, nos seguintes temas: ensino, língua portuguesa, metodologia de ensino, análise do discurso; linguística (história e ideologia); política linguística.

Ana Paula Antunes Rocha

Possui graduação em Letras (1997) e mestrado em Letras (2001) pela Universidade Federal de Juiz de Fora. É doutora em Letras (2006) pela PUC-Rio. Realizou estágio pós-doutoral em Letras Vernáculas (2012) na Universidade Federal do Rio de Janeiro. Leciona Língua Portuguesa no Departamento de Educação do Instituto de Educação de Angra dos Reis, da Universidade Federal Fluminense. Enquanto docente da Universidade Federal de Ouro Preto, idealizou o Encontro DiverMINAS (Encontro sobre a Diversidade Linguística de Minas Gerais).

Sandra Helena Correia Monteiro

Possui Graduação em Letras pela Universidade Federal Fluminense (1985), Especialização em Ensino do Inglês como Língua Estrangeira pela Universidade Federal Fluminense (1986), Mestrado em Letras pela Universidade Federal Fluminense (1990) e Doutorado em Lingüística pela Universidade de São Paulo (2005). Atualmente é Professor Associado I da Universidade Federal Fluminense. Tem experiência na área de Letras, com ênfase em Ensino de Inglês como L2, Ensino de Inglês Instrumental e Leitura e Metodologia da Pesquisa.

Monclar Guimarães Lopes

É professor adjunto do Departamento de Letras Clássicas e Vernáculas e do Programa de Pós-Graduação em Estudos da Linguagem na Universidade Federal Fluminense. É coordenador da disciplina "Introdução à Semântica" do Curso de Letras da Fundação Cecierj. É doutor em estudos linguísticos e mestre em língua portuguesa pela Universidade Federal Fluminense. É especialista em Língua Portuguesa e Literatura Brasileira e graduado em Letras-Inglês pela Ferlagos.

Silvia Maria de Sousa

É professora Associada III de Linguística no Departamento de Ciências da Linguagem e do Programa de Pós-Graduação em Estudos de Linguagem da Universidade Federal Fluminense. Possui Graduação em Letras, Mestrado e Doutorado em Estudos Linguísticos pela mesma Universidade. É vice-líder do grupo de pesquisa em Semiótica e Discurso (SEDI/UFF) e vice-diretora do Instituto de Letras da UFF(2019-2023).Integrou a diretoria da Associação Brasileira de Estudos Semióticos (ABES) entre 2012-2017. Foi vice-ccordenadora do GT de Semiótica da ANPOLL nos biênios (2012-2014) e (2018-2020).

Bruno Salviano Gripp

Possui graduação em Grego - Bacharelado pela Universidade Federal de Minas Gerais (2006), mestrado em Letras pela Universidade Federal de Minas Gerais (2009) e doutorado em Letras (Letras Clássicas) pela Universidade de São Paulo (2015). Atualmente é professor assistente da Universidade Federal Fluminense. Tem experiência na área de Letras, com ênfase em Literaturas Clássicas, atuando principalmente nos seguintes temas: épica, poética, grécia arcaica, bucolismo e lírica grega arcaica.

Cecilia Maria Aldigueri Goulart

Graduada em Letras (Português-Inglês). Mestre em Letras (Área de concentração: Língua Portuguesa), PUC-Rio (1992). Doutora em Letras (Área de concentração: Linguística Aplicada), PUC-Rio (1997). Realizou estágio de pós-doutoramento na UNICAMP, sob a supervisão da Prof. Dra. Ana Luiza B. Smolka (ago 2013/jul 2014). Professora Titular na Faculdade de Educação da UFF - Universidade Federal Fluminense (2016). Atua como docente e pesquisadora no curso de graduação em Pedagogia (desde 1992) e no Programa de Pós-Graduação em Educação (desde 1998).

Vanda Maria Cardozo de Menezes

Possui Pós-doutorado em Linguística cognitiva, sob a supervisão do Prof. Dr. Augusto Soares da Silva (2017), Doutorado (2001) em Letras Vernáculas pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), Mestrado (1989) e Graduação (1979) em Letras pela Universidade Federal Fluminense (UFF). Foi Diretora da Divisão Acadêmica da COSEAC / UFF (Comissão de Seleção Acadêmica), de 2009 a 2014.

Phellipe Marcel da Silva Esteves

Possui bacharelado em Comunicação Social (Jornalismo) pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (2007), licenciatura em Língua Portuguesa pela Universidade Candido Mendes (2008), mestrado em Letras pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (2010), doutorado em Estudos de Linguagem pela Universidade Federal Fluminense (2014) e residência em pesquisa na Fundação Biblioteca Nacional (2014-2016). Atualmente é professor adjunto da UFF, além de exercer os ofícios de edição e tradução.

Mônica Fiuza Bento de Faria

Possui Pós doutorado pela UERJ (2020), Doutorado em Estudos Linguisticos (UFF-2003) e Mestrado em Letras pela Universidade Federal Fluminense (UFF- 1997) e Especialização em Ciências humanas e Psicanálise pela UCAM (2017). Atualmente é professora Associada na Universidade Federal Fluminense. Atua na graduação e na Especialização na área de Letras, com ênfase em tradução, língua francesa e literaturas. 

Área de interesse: ensino FLE, avaliação, FOS, literatura francesa e tradução.

Ronaldo Amorim Ozório da Matta Lima

Possui graduação em Licenciatura Em Letras Português Inglês e Literaturas (1992/1995), mestrado em Letras/Estudos de Linguagem (2000/2002) e doutorado em Letras/Estudos de Linguagem (2004/2008) pela Universidade Federal Fluminense.

Priscila Starosky

Possui graduação em Fonoaudiologia pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (2001), mestrado em Linguística pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (2005) e doutorado em Estudos da Linguagem pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (2011). Professor adjunto do Departamento de Formação Específica em Fonoaudiologia da Universidade Federal Fluminense (Campus Universitário de Nova Friburgo, RJ).

Susana Kampff Lages

Cursou o Bacharelado em Letras (Tradutor-Intérprete Inglês e Alemão) na Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (1983) e é licenciada por complementação pedagógica em Língua Alemã (UFRGS/Universidade de Munique), tendo realizado Mestrado em Literaturas da Língua Portuguesa (1990) na UFRGS e doutorado em Comunicação e Semiótica - Literatura (1996) na Pontifícia Universidade Católica de São Paulo. Realizou pós-doutorado na Universidade de São Paulo (2000-2001). De 1989 a 2005 lecionou língua alemã no Centro de Ensino de Línguas da Unicamp.

Telma Cristina de Almeida Silva Pereira

Docente da Graduação (Departamento de Letras Estrangeiras Modernas) e da Pós- Graduação (Estudos de Linguagem) do Instituto de Letras da Universidade Federal Fluminense-UFF, desde 2010. Graduação em Letras (Licenciatura em Português-Francês, UFRJ, 1987), Especialização em língua e literatura francesa (UFRJ , 1989), Mestrado em Letras (UERJ, 2002, sob a orientação da Profa. Mônica Savedra). Doutorado em Letras (PUC-Rio 2006, orientada pelo Profº Jürgen Heye). Foi bolsista CAPES/PDEE na Université de Provence, (2005-2006, sob a orientação do Prof. Louis-Jean Calvet).

Ida Maria Santos Ferreira Alves

Professora Titular de Literatura Portuguesa do Instituto de Letras - Universidade Federal Fluminense.Concluiu o doutorado em Letras (Letras Vernáculas - Literatura Portuguesa - Estudos de Poesia) na Universidade Federal do Rio de Janeiro em 2000. Pós-Doutorado na PUC-MG, de 03/2005 a 03/2006 (sup. Profa. Dra. Lelia Parreira Duarte). Pós-Doutorado na Université Sorbonne-Nouvelle - Paris III, de 10/2011 a 03/2012 (bolsa CAPES - Estágio Pós-Doutoral - Sup. Prof. Dr. Michel Collot). Diretora do Instituto de Letras a partir de 16/07/2015 (gestão 2015-2019). Lidera, com a Profa. Dra.

Irene Correa de Paula Sayão Cardozo

Possui graduação em Letras pela Universidade Federal de Juiz de Fora (1998). Mestrado em Literaturas Francófonas pela Universidade Federal do Fluminense (2003), Doutorado em Literatura Comparada pela Universidade Federal Fluminense (2008); Pós-Doutorado em Literaturas Francófonas pela Universidade Federal Fluminense (2015); Pós-Doutorado em Teoria da Psicanálise pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (2021-2022).

Nelson Mitrano Neto

Possui graduação em Letras pela Universidade Federal Fluminense (1976), mestrado em Letras pela Universidade Federal Fluminense (1983) e doutorado em Lingüística - University of Reading (1992). Atualmente é professor associado da Universidade Federal Fluminense. Tem experiência na área de Ensino e Aprendizagem de Língua Estrangeira (inglês) e produção de material didático.

Talita de Assis Barreto

Talita de Assis Barreto é Doutora em Letras (2010) pela Universidade Federal do Rio de Janeiro. Professora e tradutora. Realizou estágio pós-doutoral em Estudos da Tradução na Universitat Autònoma de Barcelona, em 2015. É Professora Adjunta do Instituto de Letras da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ), do Instituto de Letras da Universidade Federal Fluminense (UFF) e do Departamento de Letras da Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-Rio). Na UERJ, é Supervisora de Espanhol no Escritório Modelo de Tradução do Instituto de Letras (ESCRTRAD) desde 2011.

Fabiana Esteves Neves

Professora adjunta de Língua Portuguesa no Instituto de Letras da Universidade Federal Fluminense, é doutora em Letras Vernáculas (Língua Portuguesa) pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, e mestre em Letras e licenciada em Letras - Português/Inglês pela UFF. É líder do grupo de pesquisa (Meta)cognição e Práticas Discursivas UFF. Integra também, como vice-líder, o GEPLEA - Grupo de Estudos e Pesquisa em Leitura e Escrita acadêmica, na Faculdade de Educação da mesma universidade. É vice-coordenadora do programa de extensão e ensino Laboratório de Letramentos Acadêmicos - LabLA-UFF.

Dayala Paiva de Medeiros Vargens

Possui graduação em Letras - Habilitação em Português / Espanhol pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro, mestrado em Letras pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro, e doutorado em Letras Neolatinas pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (2012). É professora adjunta da Faculdade de Educação da Universidade Federal Fluminense, atuando especialmente na Prática de Pesquisa e Ensino em Letras Língua Portuguesa e Língua Espanhola. É professora do Programa de Pós-graduação em Estudos da Linguagem da UFF.

Wilson Madeira Filho

Possui graduação na Faculdade de Direito da Universidade Federal Fluminense (1983), Mestrado em Letras, com bolsa CNPq, pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (1989) e Doutorado em Letras, com bolsa CNPq, pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (1998), com um período de estudos comparados, financiado pelo DAAD, na Universidade de Colônia, na Alemanha. É professor Titular de Teoria do Direito com Dedicação Exclusiva. Foi Diretor da Faculdade de Direito da UFF entre jan 2016-jan 2020.

Rodrigo Cazes Costa

Possui graduação em Direito pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (1999), graduação em Cinema pela Universidade Estácio de Sá (2003), mestrado em Letras pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (2008) e doutorado em Letras pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (2012). Atualmente é professor adjunto-1 da Universidade Federal Fluminense.

Camilla dos Santos Ferreira

Possui graduação em Português/Francês pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (2001), mestrado em Letras pela Universidade Federal Fluminense (2006) e doutorado em Letras pela Universidade Federal Fluminense (2010). É professora associada da Faculdade de Educação da Universidade Federal Fluminense, atuando sobretudo nas disciplinas de Pesquisa e Prática de Ensino/Educativa oferecidas ao curso de Letras. Atualmente, é vice-coordenadora do Programa de Alfabetização e Leitura da Faculdade de Educação da UFF- PROALE/UFF.

Vanise Gomes de Medeiros

Vanise Medeiros: Professora associada da Universidade Federal Fluminense, com pós-doutorado pela Sorbonne Nouvelle Paris III, bolsista 2 do CNPq e Cientista do Nosso Estado (FAPERJ). É líder do grupo Discursividade, língua e sociedade (CNPq), coordenadora do Grupo Arquivos de Língua (GAL/UFF), que integra pesquisadores de diversas universidades e instituições brasileiras e universidades internacionais, e uma das coordenadoras do Laboratório Arquivos do Sujeito (LAS/UFF).

Daniel Pecego Vieira Caetano

Professor Adjunto do Departamento de Artes e Estudos Culturais no Instituto de Humanidades e Saúde, da Universidade Federal Fluminense, em Rio das Ostras. Formou-se em Comunicação Social - Cinema pela UFF em 2001, fez mestrado em Literatura Brasileira pela PUC-RJ em 2006 e na mesma instituição fez seu doutorado em 2012, também em Literatura Brasileira. Organizador dos livros "Cinema Brasileiro 1995-2005 - Ensaios sobre uma década" e "Serras da Desordem", sobre o filme homônimo.

Margareth Silva de Mattos

Graduada em Letras pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (1984) e em Direito pela Universidade Federal Fluminense (2006). Especialista em Problemas no Desempenho Escolar pelo Instituto Brasileiro de Medicina e Reabilitação (1989) e em Literatura Infantojuvenil pela Universidade Federal Fluminense (1994). Mestre em Letras (2003) e Doutora em Estudos de Linguagem pela Universidade Federal Fluminense (2017).

Renata Christina Vieira

Possui graduação em Fonoaudiologia pela Universidade Veiga de Almeida (1993-1997), é especialista no método áudio-fonatório Perdoncini de estimulação de linguagem e educação auditiva para surdos pela AIPEDA onde atuou como estagiária, e, após formada, como fonoaudióloga e professora de cursos da instituição.
Possui aperfeiçoamento em Neurociências, Linguagem e Cognição pelo CEFAC (2006-2007), mestrado em Letras - área de concentração: Linguística, pela UERJ (2005-2007) e tem especialização em Voz pelo CEFAC (2009-2011).

Ilana da Silva Rebello Viegas

É graduada em Letras (2002- UFF), mestre (2005-UFF) e doutora (2009-UFF) em Língua Portuguesa pela Universidade Federal Fluminense. Já atuou como professora de Língua Portuguesa na Prefeitura de São Gonçalo, na Prefeitura de Niterói, na Secretaria Estadual de Educação e na Fundação de Apoio à Escola Técnica (FAETEC). Atualmente é professora Associada 40h DE, de Língua Portuguesa do Departamento de Letras Clássicas e Vernáculas da Universidade Federal Fluminense.

Joice Armani Galli

Possui graduação em Língua Portuguesa e Literatura Brasileira/Língua e Literaturas Francesas pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul - PUC/RS (1992), mestrado em Teoria da Literatura pela mesma Instituição (1997) com o tema da mulher em 'La Comédie humaine', de Honoré de Balzac, e doutorado em Letras, área de concentração em 'Aquisição da Linguagem' pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul - UFRGS (2004), com pesquisa sobre os exames de proficiência em francês.

Beatriz dos Santos Feres

Doutora (2006) e Mestre (2003) em Letras/Estudos da Linguagem pela Universidade Federal Fluminense, com pós-doutorado pelo Programa de Pós-Graduação em Letras da Uerj, na área da Teoria da Literatura e Literatura Comparada. Professora Associada de Língua Portuguesa no Instituto de Letras da UFF, já atuou no Centro Universitário Plínio Leite - UNIPLI (2003-2008) e em escolas do Ensino Fundamental e Médio (1987-2008).

Vanessa Massoni da Rocha

Professora de Língua francesa e de Literaturas francófonas na Graduação em Letras e nos programas de Pós-Graduação Lato Sensu e Stricto Sensu (Mestrado em Literaturas francófonas) na Universidade Federal Fluminense. Coordena o curso Lato Sensu de Língua francesa e literaturas francófonas da UFF (2018-2022). Realizou estágio de pós-doutoramento em Literatura comparada na Universidade do Estado do Rio de Janeiro com período de cooperação na Université des Antilles, Fort-de-France, Martinica. Doutora em Estudos de literatura na UFF com tese sobre a escrita epistolar.

Tania Afonso Chaves

Atualmente, exerço a docência no cargo de Professor Adjunto IV do Departamento de Formação Específica em Fonoaudiologia do Instituto de Saúde de Nova Friburgo da Universidade Federal Fluminense e integro o Grupo de Pesquisa NuPIFono - Núcleo de Pesquisas Interdisciplinares em Fonoaudiologia do CNPq.

Cirlene de Sousa Sanson

Graduada em Letras (Português/Francês - 2001), Mestre em Letras (Estudos da Linguagem -2004) e Doutora em Letras (Estudos da linguagem -2011) pela Universidade Federal Fluminense.

Professora do Departamento de Letras Clássicas e Vernáculas da UFF - Setor de Português para Estrangeiros (desde 2015), onde atualmente é Coordenadora do Curso de Português oferecido aos estudantes Pré PEC-G (MEC/MRE) e Coordenadora da aplicação do Exame Celpe-Bras. Desde 2018, integra a Comissão Técnico-Científica do Exame Celpe-Bras (DAEB/INEP).

Matildes Demetrio dos Santos

Pós-Doutorado na Université Sorbonne Nouvelle - Paris III / França (2014). Doutorado em Letras na Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) (1992). Mestrado em Letras Pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC) (1982) Graduação em Letras - Português-Literaturas (UFRJ - 1973). Graduação em Letras- Português-Inglês (UFRJ- 1978). Foi professora da Universidade Federal de Viçosa (UFV- 1992-1998). Desde 2002, é professora de Literatura Brasileira da Universidade Federal Fluminense (UFF).

Sonia Monnerat Barbosa

Possui graduação em Letras pela Universidade Federal Fluminense (1973), graduação em Psicologia pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (1978), mestrado em Letras pela Universidade Federal Fluminense (1977) e doutorado em Letras pela Universidade Federal Fluminense (2000). É professora associada da Universidade Federal Fluminense.

Maurício da Silva

Possui graduação em Letras pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (1982), mestrado em Letras pela Universidade Federal Fluminense (1989) e doutorado em Doutorado em Letras Universidade Federal Fluminense pela Universidade Federal Fluminense (2003). Atualmente é professor titular e decano do Departamento de Letras Clássicas e Vernáculas da Universidade Federal Fluminense. Tem experiência na área de Letras, com ênfase em linguagens, atuando principalmente nos seguintes temas: língua portuguesa, ensino da leitura, ensino de língua materna, multiletramentos na educação básica.

Franklin Alves Dassie

É professor Adjunto de Teoria da Literatura na UFF. Possui graduação em Português/Literaturas pela Universidade Federal Fluminense (2004), Mestrado em Letras pela Universidade Federal Fluminense (2007) e Doutorado em Literatura Comparada (2011) na mesma universidade.
É pesquisador do Grupo de Pesquisa "Relações entre Literatura, Filosofia e Psicanálise na contemporaneidade" (LIFIPs) e do Grupo de Pesquisa "Estudos Contemporâneos da Tradução", atuando principalmente com as relações entre poesia, teatro, cinema, política e tradução.

Márcia de Assis Ferreira

É graduada em Português/Literatura pela Universidade Federal Fluminense. Cursou Especialização em Literatura Brasileira na mesma universidade. Mestre em Letras pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro. Atualmente, tem interesse em pesquisas relacionadas às áreas de leitura e escrita, além de letramento literário. Desde 2015, é professora (regime DE) do COLUNI (Colégio Universitário da Universidade Federal Fluminense).

Giovana Cordeiro Campos de Mello

Atualmente, é Professora Adjunta de Tradução no Departamento de Línguas Estrangeiras Modernas (GLE) da Universidade Federal Fluminense (UFF), é Coordenadora do Laboratório de Estudos da Tradução - Labestrad/UFF e atua no Programa de Pós-Graduação em Estudos da Linguagem - PosLing (linha de pesquisa 2: Teorias do texto, do discurso e da tradução) na mesma instituição.

Nilza Barrozo Dias

Graduou-se em Licenciatura em Letras (Português/Inglês) pela Faculdade de Filosofia Santa Dorotéia (1976) e cursou Especialização em Língua Portuguesa pela Universidade Federal Fluminense/UFF (1987). Obteve o título de Mestre em Letras pela Universidade Federal Fluminense de Niterói (1994) e o de Doutorado em Linguística pela Universidade Estadual de Campinas/UNICAMP, Área de Sociolinguística- Variação e Mudança Linguística (2001), sob a orientação da Profa. Dra. Maria Luiza Braga.

Subscrever Letras