Uma leitura das imagens da violência na escola: dos signos de alienação à sublimação criativa