Mercado de trabalho, salário mínimo e estrutura tributária: impacto sobre o perfil distributivo brasileiro em perspectiva histórica