Educação, Currículo e Meio Ambiente: Fábrica ou Ateliê de Subjetividades?