COMUNICAÇÃO ALTERNATIVA COMO UM POSSÍVEL CAMINHO NO ENSINO/APRENDIZAGEM DE CIÊNCIAS PARA ESTUDANTES COM DEFICIÊNCIA FÍSICO-MOTORA