Avaliação da eficiência das companhias aéreas brasileiras com uma variação do modelo de Li e Reeves