História

Pesquisador

Vitor Manoel Marques da Fonseca

Graduado em História pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (1979), mestre (1987) e doutor em História pela Universidade Federal Fluminense (2007). Estágio de pós-doutorado (2009-2011) junto ao PPGHC, da Universidade Federal do Rio de Janeiro, sob supervisão do prof. dr. Francisco Carlos Teixeira da Silva, desenvolvendo a pesquisa "Associação para o recreio: estatutos de sociedades registradas na Secretaria de Polícia do Distrito Federal, 1906-1915". Professor do Depto.

Adriano de Freixo

Adriano de Freixo é graduado em História, especialista em História das Relações Internacionais e mestre em História Política pela UERJ e doutor em História Social pela UFRJ. É professor do Departamento de Estudos Estratégicos e Relações Internacionais do Instituto de Estudos Estratégicos da Universidade Federal Fluminense (INEST - UFF), onde coordena o curso de graduação em Relações Internacionais e o Laboratório de Estudos sobre a Política Externa Brasileira (LEPEB), atuando também nos Programas de Pós-Graduação em Estudos Estratégicos (PPGEST ) e Ciência Política (PPGCP ).

Fernando de Araujo Penna

Professor Adjunto da Faculdade de Educação da UFF e parte do corpo docente do Programa de Pós-Graduação em História Social da FFP UERJ. Doutor e Mestre em Educação pelo PPGE da UFRJ e bacharel e licenciado em história pela mesma universidade. Atualmente é coordenador do Movimento Educação Democrática. Condecorado com a Medalha Tiradentes, concedida pela ALERJ, em 2017. Tem dedicado suas pesquisas mais recentes aos temas: educação democrática, ensino de história e "escola sem partido".

Márcia Maria Menendes Motta

Desde 1992 é professora do Departamento e do Programa de Pós Graduação em História da Universidade Federal Fluminense. A partir de 2015 tornou-se professora titular da Instituição. Tem experiência na área de História, com ênfase em História Agrária, atuando principalmente nos seguintes temas: conflito de terra, apropriação territorial, direito agrário e movimentos rurais. É autora de inúmeros artigos (em revistas nacionais e estrangeiras)sobre a questão agrária. Em 1998 publicou o livro:"Nas Fronteiras do Poder: conflito e direito à terra no Brasil do século XIX".

Jair de Souza Ramos

Possui graduação em História pela Universidade Federal Fluminense (1990), mestrado em Antropologia Social pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (1994), doutorado em Antropologia Social pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (2002) e realizou pós doutorado na École Normale Supérieure, seção Sciences Sociales, em Paris (2006) . Atuamente é professor adjunto do Departamento de Sociologia da Universidade Federal Fluminense, e participa das pós graduações em Antropologia e Sociologia na mesma universidade.

Renata Torres Schittino

Professora adjunta do Departamento de História e do Programa de Pós-Graduação em História da Universidade Federal Fluminense. Pesquisadora do Núcleo de Estudos Contemporâneos (NEC-UFF) e pesquisadora associada do Laboratório de Estudos Asiáticos (LEA/USP). Possui graduação em História pela Universidade Federal Fluminense (2002), mestrado em História pela PUC-Rio (2004), doutorado em História pela PUC-Rio (2009), pós-doutorado em História pela Universidade Federal Fluminense (2013).

Tatiana Silva Poggi de Figueiredo

Professora de História Contemporânea na Universidade Federal Fluminense. Possui graduação em História pela Universidade Federal Fluminense (2004), mestrado (2008) e doutorado (2012) pela Universidade Federal Fluminense. Tem experiência na área de História, com ênfase em História Contemporânea, trabalhando principalmente com os seguintes temas: História do Tempo Presente, História dos EUA e da Europa; Movimentos Conservadores; Fascismo/Neofascismo; Neoliberalismo e Relações Internacionais.

Fernanda Andrade Almeida

Possui mestrado em Ciências Jurídicas e Sociais pela Universidade Federal Fluminense (2008) e doutorado em Ciências Jurídicas e Sociais pela Universidade Federal Fluminense (2013). Atualmente é Professora Adjunta da Universidade Federal Fluminense. Tem experiência na área de Direito, com ênfase em Teoria do Direito

Ludmila Rodrigues Antunes

Professora Adjunta IV da Universidade Federal Fluminense no Departamento de Segurança Pública do Instituto de Estudos Comparados em Administração de Conflitos.Bacharel em História pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (1983) e Doutora em Ciências Econômicas pela Universidade Estadual de Campinas/Unicamp (2001), na área de Política Social. Possui Especialização em Economia do Trabalho e Sindicalismo(Unicamp-(1994 ). Realizou estágio de Pós doutorado no Instituto de Economia( IE-UFRJ) no Laboratório de Economia Política da Saúde (LEPS)/ Bolsa PDS-FAPERJ(2009).

Leonardo Soares dos Santos

Graduado (2003) em História pela Universidade Federal Fluminense, onde realizou também meu mestrado (2005) e doutorado (2009) em História Social. Suas pesquisas versam basicamente sobre as relações entre o espaço rural e urbano e suas implicações em termos de políticas públicas e configuração de grupos sociais.

Ivan Ducatti

Professor Adjunto de História Contemporânea junto ao Instituto de Estudos Comparados em Administração de Conflitos (InEAC) da Universidade Federal Fluminense (UFF). Pós-doutor pela Escola de Serviço Social (ESS) da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). Vice-coordenador do NEGREM (Núcleo de Estudos de Trabalho, Gênero e Raça/Etnia a partir do Materialismo Histórico-Dialético) (UNIRIO). Doutor em História Social pela Universidade de São Paulo (USP/SP), cuja tese desenvolve-se sobre História e Saúde Pública.

Paulo Knauss de Mendonça

Possui graduação em História pela Universidade Federal Fluminense (1987), mestrado em História pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (1990) e doutorado em História pela Universidade Federal Fluminense (1998), tendo realizado pós-doutorado na Universidade de Estrasburgo, França (2006). É professor do departamento de História e membro do Laboratório de História Oral e Imagem da Universidade Federal Fluminense (UFF) e exerce o cargo de Diretor do Museu Histórico Nacional (MHN).

Christiano Britto Monteiro dos Santos

Tem experiência na área de História, com ênfase em História do videogame e mídia do século XX.

Claudia Maria Costa Alves de Oliveira

Professora titular da Faculdade de Educação da Universidade Federal Fluminense, credenciada ao Programa de Pós-Graduação em Educação da UFF. Possui graduação em História pela Universidade Federal Fluminense (1982), mestrado em Educação pela Universidade Federal Fluminense (1990) e doutorado em História Social pela Universidade de São Paulo (2000). Foi presidente da Sociedade Brasileira de História da Educação (SBHE) na gestão 2007-2009 e coordenadora do GT História da Educação da ANPEd, no período 2015-2017. Coordena o Grupo de Pesquisa História Social da Educação.

Margareth da Silva

Possui graduação em História pela Universidade Federal Fluminense (1983), mestrado em História Social pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (1995) e doutorado em História Social pela Universidade de São Paulo (2015). Atualmente é professor Adjunto da Universidade Federal Fluminense, membro Câmara Técnica de Documentos Eletrônicos do Conselho Nacional de Arquivos e professor credenciado no Programa de Pós-Graduação em Memória e Acervos da Fundação Casa de Rui Barbosa.

Elisa Frühauf Garcia

Doutora em história pela Universidade Federal Fluminense (2007), onde é professora de história da América colonial desde 2009. Atua também no programa de pós-graduação em história da mesma instituição (PPGH/UFF), orientando teses e dissertações sobre as relações entre as populações nativas e os impérios coloniais europeus. Realizou estágios de pós-doutorado na Universidade Estadual de Campinas (2007-2009) e no Consejo Superior de Investigaciones Científicas/CSIC-Madrid (2015).

Carolina Coelho Fortes

Possui graduação em História pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (2000), mestrado em História Social pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (2003) e doutorado em História pela Universidade Federal Fluminense (2011).

Patricia Teixeira de Sa

Professora Adjunta na Universidade Federal Fluminense (UFF), na Faculdade de Educação. Doutora em Ciências Humanas - Educação pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (2016) e Mestra em Educação Brasileira (2006) pelo mesmo programa. Possui Graduação em História (Licenciatura e Bacharelado) pela Universidade Federal Fluminense (2002).

Rodrigo de Almeida Ferreira

Professor na Faculdade de Educação da Universidade Federal Fluminense (Departamento Sociedade, Educação e Conhecimento -SSE/FE-UFF). Doutor em Educação (UFMG, 2014), com período Sanduíche/CNPq na Escola de Comunicação e Artes da USP. Mestre em História (UFMG, 2004). Professor do Programa de Mestrado ProfHistória da UFF - linha de pesquisa: "Linguagens e Narrativas Históricas: Produção e Difusão". Coordeno o Laboratório de Ensino de História (LEH/UFF), grupo de pesquisa CNPq. Participo DCP CNPq Laboratório de História Oral e Imagem - LABHOI.

Jonis Freire

Professor do Departamento de História da Universidade Federal Fluminense (UFF). Possui graduação em História pela Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP/2000), mestrado em História pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho - Franca (UNESP/2004), Doutorado em História pela Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP/2009) e Pós-Doutorado pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG/2014). Foi professor do Programa de Pós-graduação em História do Brasil (PPGHB) Universidade Salgado de Oliveira. É Pesquisador da Rede de Grupos de Pesquisa Escravidão e Mestiçagens.

Paulo Gabriel Hilu da Rocha Pinto

Possui graduação em Historia pela Universidade Federal Fluminense (1992), graduação em Medicina pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (1994), mestrado em Antropologia pela Universidade Federal Fluminense (1997) e doutorado em Antropologia - Boston University (2002). Atualmente é professor associado do Departamento de Antropologia e do PPGA da Universidade Federal Fluminense e coordenador do Núcleo de Estudos do Oriente Médio (NEOM) da UFF.

Danieli Machado Bezerra

Professora Adjunta do Departamento de Segurança Pública da Universidade Federal Fluminense. Professora adjunta do curso de tecnólogo em Segurança Pública CEDERJ/ EAD/UFF. Doutora em História Comparada pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, mestre em Ciências Sociais pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte. Graduada em Licenciatura em História pela Universidade Federal da Paraíba.

Rita de Cássia da Silva Almico

Possui graduação em História pela Universidade Federal de Juiz de Fora (1995), mestrado em História Econômica pelo Instituto de Economia da Universidade Estadual de Campinas (2001) e doutorado em História pela Universidade Federal Fluminense (2009). Atualmente é professora Adjunta da Faculdade de Economia da Universidade Federal Fluminense e do Programa de Pós-Graduação em História - PPGH/UFF.

Thomas Ferdinand Heye

Bacharel em História (1994) e Mestre em Relações Internacionais (1997) pela PUC-RJ. Doutor em Ciência Política (2005) pelo IUPERJ. Atualmente é Professor Adjunto da Universidade Federal Fluminense (UFF) e Decano do Instituto de Estudos Estratégicos (INEST). Conselheiro da UFF no Conselho de Ensino e Pesquisa.

Gizlene Neder

Professora Titular do Departamento de História da Universidade Federal Fluminense. Graduada em História pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (1973). Mestre em Ciência Política pelo IUPERJ (1979), doutora em História Social pela Universidade de São Paulo (1987). Realizou pesquisa de pós-doutorado na Biblioteca Nacional de Lisboa (1999), como Bolsista de Investigação da Fundação Luso-Brasileira para o Desenvolvimento dos Povos de Língua Portuguesa.

Janaína Martins Cordeiro

Professora Adjunta de História Contemporânea do Departamento de História e do Programa de Pós-Graduação em História da Universidade Federal Fluminense (UFF). Possui Pós-Doutorado pela mesma universidade (CNPq, 2012-2013 e FAPERJ Nota 10, 2013-2014). Doutora em História pela UFF (2012), com estágio de doutoramento pelo Centre d?Histoire de Sciences Politique de Paris (2009-2010, Bolsa CAPES-COFECUB) e Mestra pela mesma instituição (2008). Graduada em História pela Universidade Federal de Viçosa (Bacharelado - 2006; Licenciatura - 2005).

Joana DArc Fernandes Ferraz

Possui Doutorado em Ciências Sociais pela UERJ (PPCIS), Mestrado em Ciência Política pela UFF (PPGCP) e Bacharel e Licenciada em História pela pela UERJ. Professora Associada da Universidade Federal Fluminense (UFF). Foi bolsista PRODOC com pesquisa de Pós-Doutorado em Memória Social pela UNIRIO, (PPGMS). Leciona Sociologia e Movimentos Sociais Contemporâneos no Curso de Graduação em Sociologia e Metodologia das Ciências Sociais. Tem experiência na área de Sociologia, Antropologia, Ciência Política, História e Metodologia Científica.

Alexandre Carneiro Cerqueira Lima

Professor Associado de História Antiga do Departamento de História da Universidade Federal Fluminense, atua no ensino e na pesquisa de práticas culturais da Grécia Antiga. É orientador de pesquisas de pós-graduação stricto sensu (mestrado e doutorado) no PPGH UFF, membro permanente do Núcleo de Estudos de Representações e de Imagens da Antiguidade (NEREIDA ? UFF) e membro associado do da UMR8210 Anthropologie et Histoire des Mondes Antiques (ANHIMA - Paris).

Carlos Eduardo Valencia Villa

Professor de História de América na Universidade Federal Fluminense em Campos e pesquisador Cnpq. Possui graduação em História - Universidade Nacional de Colômbia (2002), mestrado em História Social pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (2008) e é doutor em História pela Universidade Federal Fluminense (2012). Foi professor visitante na Universidade da República do Uruguai, pesquisador convidado da Universidade da Virgínia e da Sociedade Histórica da Virgínia. Também foi professor da Universidade do Rosário em Bogotá e da Universidade Nacional da Colômbia (Bogotá).

Sergio de Sousa Montalvão

Graduado em História pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (1992), mestre em História Social pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (2001) e doutor em História, Política e Bens Culturais pelo CPDOC da Fundação Getúlio Vargas (2011). Professor de Ciências Humanas e Sociais Aplicadas, no Departamento de Administração da Universidade Federal Fluminense (UFF). Professor colaborador do Programa de Pós-graduação em Administração (PPGAd-UFF), na linha Estado, Organizações e Sociedade (EOS). Coordena o Laboratório História.

Marcio de Sousa Soares

Professor Adjunto do Departamento de História do Instituto de Ciências da Sociedade e Desenvolvimento Regional da Universidade Federal Fluminense (ESR/UFF).

Maria Teresa Mattos de Moraes

Niteroiense, possui graduação em História pela Universidade Federal Fluminense (1988) , mestrado em Ciências da Arte pela Universidade Federal Fluminense (2000), e doutora pelo Programa de Pós Graduação em Comunicação da UERJ. É professora assistente da Universidade Federal Fluminense. Tem experiência na área de Artes, com ênfase em Cinema e Produção Cultural, atuando principalmente nos seguintes temas: curta-metragem, cinema - festivais, cinema documentário, cinema - exibição e cinema.

Denise Rollemberg Cruz

Possui graduação em História pela Universidade Federal Fluminense (1987), mestrado em História pela Universidade Federal Fluminense (1992), doutorado em História pela Universidade Federal Fluminense (1998), pós-doutorado em História pela Universidade de Paris X (2007) e em Sociologia pela Universidade de Campinas/Unicamp (2007), pós-doutorado em História pela Universidade de São Paulo/USP (2013) e pós-doutorado em História na UnB (em curso, 2018).

Charleston Jose de Sousa Assis

Charleston José de Sousa Assis é bacharel e licenciado em História pela Universidade Federal Fluminense, onde concluiu o mestrado, orientado pela Dra. Márcia Motta, e o doutorado, orientado pela Dra. Laura Maciel, ambos em História Social. Uma de suas pesquisas foi convertida em livro publicado com o título "Classes populares, cultura política e revolta no Rio de Janeiro (1984-1987)". Entre 2016 e 2018 realizou estágio pós-doutoral no Programa de História da Universidade Salgado de Oliveira, sob supervisão da Dra. Marly Vianna.

Ana Célia Rodrigues

Pós-Doutorado pela Universidade de São Paulo (2015) e pela Universidad Carlos III de Madrid, Espanha (2013-2014), com bolsa CAPES. Doutorado (2008) e Mestrado (2003) em História Social pela Universidade de São Paulo. Graduação em História pelo Instituto Superior de Ciências, Letras e Artes de Três Corações (1988). Especialização em Organização de Arquivos pelo Instituto de Estudos Brasileiros da Universidade de São Paulo (1992) e pela Escuela Nacional de Archiveros do Peru, OEA (1993).

Rodrigo Nunes Bentes Monteiro

Professor associado de História Moderna na Universidade Federal Fluminense. Doutor em História Social pela Universidade de São Paulo (1999), mestre em História Social pela Universidade de São Paulo (1993), licenciado e bacharel em História pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (1988). Áreas de atuação: História Moderna, com ênfase em cultura política, história intelectual, história do livro, materialidade e interpretação de manuscritos e impressos da Época Moderna.

Silvio Cezar de Souza Lima

Possui graduação em História pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (2002), mestrado em História das Ciências da Saúde pela Fundação Oswaldo Cruz (2005) e doutorado em História das Ciências pela Fundação Oswaldo Cruz (2011). Tem experiência na área de História, com ênfase em História das Ciências da Saúde, atuando principalmente nos seguintes temas: História das Ciências no Brasil, História da Saúde, Brasil Império, Teorias Raciais e Medicina e Escravidão.

Alexandre Santos de Moraes

Professor do Departamento de História e do Programa de Pós-graduação em História da Universidade Federal Fluminense. Possui graduação em História pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (2006), mestrado em História Comparada pelo Programa de Pós-graduação em História Comparada (2009) da mesma universidade e doutorado em História pelo Programa de Pós-graduação em História da Universidade Federal Fluminense (2013).

Marcelo Mac Cord

Bacharel em História pela UFRJ (1997); Mestre, Doutor e Pós-Doutor em História pela UNICAMP (2001, 2009 e 2012); Pós-Doutor em História pela UFRJ (2016); Professor Adjunto IV de História da Educação da Faculdade de Educação da UFF (desde 2012); Aprendiz da VIDA (desde 1970); Conquistou alguns prêmios acadêmicos e publicou livros na área de História.

Francine Iegelski

Francine Iegelski é professora de Teoria e Filosofia da História na Universidade Federal Fluminense (UFF), Rio de Janeiro, Brasil. É doutora em História Social e Mestre em Letras pela Universidade de São Paulo (USP). Realizou estágio de doutorado (2010-2011) e pós-doutorado (2014-2015) na École des hautes études en sciences sociales (EHESS) sob a supervisão de François Hartog. Entre 2013 e 2016, coordenou atividades de pesquisa e ensino junto ao Programa de Pós-Graduação em História Social da USP. É coordenadora do grupo pesquisa ?Epistemologia e História Comparada das Ciências Humanas?

Frederico Carlos de Sá Costa

Possui graduação em História pela Universidade Federal de Minas Gerais (1996), mestrado em Ciência Política pela Universidade Federal de Minas Gerais (2002) e doutorado em Ciência Política pelo Instituto Universitário de Pesquisas do Estado do Rio de Janeiro - IUPERJ (2008). Professor Adjunto da Universidade Federal Fluminense, na cadeira de Teoria Política dos Estudos Estratégicos Tem experiência na área de Ciência Política, atuando principalmente nos seguintes temas: relação civil-militar, soberania, exceção.

Rodrigo Lima Ribeiro Gomes

Professor Adjunto do Instituto de Educação de Angra dos Reis, da Universidade Federal Fluminense (IEAR-UFF). Doutor e Mestre em Educação pela Universidade Federal Fluminense (2009 e 2014) e Graduado em História pela mesma universidade. Foi professor de História da Rede Pública Municipal de Ensino do Rio de Janeiro.

Alejandra Luisa Magalhães Estevez

Possui graduação em Historia pela Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (2005) e mestrado em História Social pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (2008), no qual debruçou-se sobre o estudo da Juventude Operária Católica (JOC) e da Ação Católica Operária (ACO). É doutora em Sociologia pelo Programa de Pós-graduação em Sociologia e Antropologia da Universidade Federal do Rio de Janeiro (PPGSA/UFRJ), onde investigou a atuação de líderes católicos na Diocese de Volta Redonda/ Barra do Piraí (1966-2010) e sua relação com o movimento sindical.

Ana Maria Mauad de Sousa Andrade Essus

Ana Maria Mauad, doutora em História Social pela Universidade Federal Fluminense, com pós-doutorado no Museu Paulista da USP. Atualmente é professora titular do Departamento de História, pesquisadora do Laboratório de História Oral e Imagem da UFF, desde 1992, do CNPq desde 1996 e Cientista do Nosso Estado Faperj (2013-2019), Pesquisador Visitante, Cátedra Celso Furtado, St. John's College, Universidade de Cambridge (2018).

Bernardo Kocher

Graduado em História pela Universidade Federal Fluminense (1983), Mestre em História (1987) e Doutor em História (1997) pela Universidade Federal Fluminense. Atualmente é Professor Associado 4 da Universidade Federal Fluminense em regime de Dedicação Exclusiva. Tem experiência na área História das Relações Internacionais, atuando principalmente nos seguintes temas: Globalização, Terceiro Mundo, Oriente Médio e Política Externa Brasileira. Possui também experiência em pesquisa, orientação e ensino em Economia Política, notadamente a Economia Brasileira.

Carlos Eugênio Soares de Lemos

Professor Associado I do Departamento de Ciências Sociais da PUCG/UFF, possui Graduação em História pelo Centro Universitário Fluminense (UNIFLU/FAFIC - 1995), Especialização em História do Brasil pela UFF (1997), Especialização em Psicanálise pela Faculdade de Medicina de Campos (2016), Mestrado em Comunicação pela ECO/UFRJ (2002), Doutorado em Ciências Humanas (Sociologia) pelo IFCS/UFRJ (2007) e é Graduando do curso de Letras, da UFF/CEDERJ (2016).

Angelo Mario do Prado Pessanha

Possui graduação em História ?

Manuel Rolph De Viveiros Cabeceiras

Bacharel e Licenciado em História pela UFRJ (1983, 1984), Mestre em História Social (História Antiga) pela mesma universidade (1999), Doutor pela UFF (2013), é professor do Departamento de História da Universidade Federal Fluminense (UFF), onde fundou, com outros docentes e pesquisadores, o Centro de Estudos Interdisciplinares da Antiguidade (CEIA-UFF) e atua na área de Ensino de História e da História da Antiguidade Greco-Romana e da Alta Idade Média.

Aloysio Henrique Castelo de Carvalho

Possui graduação em História pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (1980), mestrado em Ciência Política (Ciência Política e Sociologia) pelo Instituto Universitário de Pesquisas do Rio de Janeiro (1989), doutorado em História Social pela Universidade de São Paulo (2000) e pós-doutorado em História Social pela Universidade de São Paulo (2009). É professor associado da Faculdade de Economia da Universidade Federal Fluminense e credenciado no Programa de Pós-Graduação em Ciência Política da Universidade Federal Fluminense.

Ivan da Costa Alemão Ferreira

Professor e magistrado. Após exercer a profissão de advocacia sindical, ingressou na magistratura do trabalho em 1993 por meio de concurso público. É desembargador do trabalho no Rio de janeiro desde 2013, atualmente é presidente eleito para Seção de Dissídios Individuais do TRT/RJ. Ingressou no magistério superior em 1995, na Universidade Federal Fluminense por meio de concurso público, 1º lugar. Hoje, na condição de Professor Associado I, leciona direito do trabalho na graduação e participa como professor no PPGSD - Programa de Pós-Graduação de Sociologia e Direito.

Alessandra Frota Martinez de Schueler

Doutora em Educação (2002) e Mestre em História (1997) pela Universidade Federal Fluminense. Professora de História da Educação na Faculdade de Educação da Universidade Federal Fluminense, instituição na qual atua nos cursos de Pedagogia, Licenciaturas e também no Programa de Pós-Graduação em Educação (Mestrado e Doutorado). Vice-líder do Grupo de Pesquisa História Social da Educação/FEUFF.

Julio Cesar de Souza Tavares

Professor Titular do Departamento de Antropologia e membro do Colegiado do Programa de Pós-Graduação em Antropologia da Universidade Federal Fluminense. Graduado em História pela Universidade Federal Fluminense (1980), Mestre em Sociologia pela Universidade de Brasília (1984), Doutor em Antropologia - University of Texas at Austin (1998) e pós-doutorado como Rockfeller Post-Doctoral Fellow no Center for Black Music Research, em Chicago (2001). Distinguished Visiting Professor no Departamento de Comunicação da Florida Atlantic University, Boca Raton, Miami, EUA (2004).

Ronald Jose Raminelli

Possui doutorado em História Social pela Universidade de São Paulo (1994) e realizou estágio pós-doutoral na Ecole des Hautes Etudes en Sciences Sociales - Paris (2002-2003)e na Unicamp (2011-2012). Atualmente é professor titular da Universidade Federal Fluminense e associate Editor da Oxford University Press. Tem experiência na área de História Moderna, com ênfase em História do Brasil e da América, atuando principalmente no estudo das estratégias de ascensão social, da formação da nobreza ultramarina a partir dos serviços prestados à Monarquia.

Lucia Maria Velloso de Oliveira

Doutora em Ciências - Área: História Social pela Universidade de São Paulo (2011). Possui graduação em História pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (1986), graduação em Arquivologia pela Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (1992), mestrado em Ciência da Informação pelo Instituto Brasileiro de Informação em Ciência e Tecnologia e Universidade Federal Fluminense (2006). Presidiu a Associação dos Arquivistas Brasileiros por cerca de 10 anos.

Erika Bastos Arantes

Pós- Doutora em Educação pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ), Doutora em História pela Universidade Federal Fluminense - UFF (2010) e mestre em História pela Universidade Estadual de Campinas - UNICAMP (2005). Professora Adjunta de de Ensino de História da UFF - Polo Campos dos Goytacazes. As principais áreas de atuação são: Ensino de História, Educação das Relações étnico-raciais e História da África.

Sabrina de Oliveira Moura Dias

Formada em História pela Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF), com mestrado e doutorado em Sociologia e Antropologia pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ/PPGSA). Realizou estágio doutoral na École des Hautes Études en Sciences Sociales (EHESS) em Paris de maio de 2012 a abril de 2013. Atualmente é professora adjunta da Universidade Federal Fluminense (UFF), vinculada ao Departamento Multidisciplinar de Volta Redonda. Tem experiência na área de Sociologia, atuando principalmente nas temáticas de mudanças na organização do trabalho, terceirização e siderurgia.

Wanderson Fabio de Melo

Possui graduação em História pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (1998), mestrado em História Social (2002) e doutorado em História Social também pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (2009). Atualmente é dedicação exclusiva da Universidade Federal Fluminense, Curso de Serviço Social, Campus da UFF de Rio das Ostras. Tem experiência na área de História, com ênfase em História Social, Formação sócio-histórica, História Contemporânea, História do Brasil, História do Trabalho e Questão Social.

Angélica Müller

Possui graduação em História pela Universidade do Vale do Rio dos Sinos (2002), mestrado em História Política pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (2005), doctorat d'Histoire pela Universidade de Paris I, Panthéon-Sorbonne (2010) e doutorado em História Social pela Universidade de São Paulo (2010). Professora Adjunta I da Universidade Federal Fluminense.

Gisele Fonseca Chagas

Possui graduação em História pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (2003), mestrado (2006) e doutorado (2011) em Antropologia pela Universidade Federal Fluminense (RJ). Atualmente é professora Adjunta I do Departamento de Antropologia e do Programa de Pós-Graduação em Antropologia da Universidade Federal Fluminense.

Giselle Martins Venancio

é Professora do Departamento de História da Universidade Federal Fluminense, onde atua na graduação e pós-graduação. É bolsista de produtividade do CNPq, Cientista do Nosso Estado/FAPERJ e pesquisadora principal do PRONEX/CNPQ/FAPERJ - História (trans)nacional: perspectivas e conexões - coordenado por Jorge Ferreira. Suas pesquisas se concentram na área de historiografia e nos temas da produção e circulação de impressos, coleções, livros, leituras e escritas de viagem. Atualmente é coordenadora do Programa de Pós-graduação em História da UFF.

Maria Fernanda Baptista Bicalho

Licenciada em História pela PUC-RJ (1981), mestre em Antropologia Social pelo Museu Nacional-UFRJ (1988), doutora em História Social pela FFLCH-USP (1997), fez pós-doutorado no Instituto de Ciências Sociais da Universidade de Lisboa (em 2007 e, novamente, em 2013/2014). Professora Associada no Departamento de História da Universidade Federal Fluminense, foi Coordenadora do Programa de Pós-Graduação em História entre 2010 e 2013. Desde 2009 atua como Professora Visitante na Université de Provence (Aix-en-Provence).

Everardo Paiva de Andrade

Possui graduação em História pela Universidade Federal Fluminense (1980), mestrado (2001) e também doutorado (2006) em Educação pela Universidade Federal Fluminense. Atualmente é Professor Associado do Programa de Pós-Graduação da Faculdade de Educação da UFF, e do PROFHISTÓRIA, com experiência nas áreas de História e Educação, trabalhando sobretudo na formação profissional docente, com ênfase nos seguintes temas: formação de professores, ensino de história, docência e saberes docentes, currículo, conhecimento e cultura escolar.

Rossana Maria Papini

Possui graduação (licenciatura e bacharelado) em História e mestrado em Educação pela Universidade Federal Fluminense , sendo doutora em Educação pelo Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade do Estado do Rio de Janeiro. É professora Adjunto da Universidade Federal Fluminense, atuando no INFES (Instituto do Noroeste Fluminense de Educação Superior), junto ao Departamento de Ciências Humanas (PCH).

Nivea Maria da Silva Andrade

Professora Adjunta do Departamento Sociedade Educação e Conhecimento (SSE) e do Programa de Pós-graduação em Educação da Faculdade de Educação da Universidade Federal Fluminense (FEUFF) . Doutora em Educação pelo Programa de pós-graduação em Educação da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (PROPED-UERJ). Possui pós-doutorado em Educação e Imagem pelo PROPED-UERJ, mestrado em História Social da Cultura pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (2003) e graduação (bacharelado e licenciatura) em História pela UFF (2000).

Leandro Ramos Teofilo

Bacharel e licenciado em Geografia (UERJ) e História (UFRJ), pós-graduado em Ensino de Geografia (UFRJ) e mestre em Geografia (UERJ - Área de concentração: Gestão e Estruturação do Espaço Geográfico; linha de Pesquisa: Cultura e Natureza). Possui experiência de pesquisa nas áreas de História do Pensamento Geográfico, Epistemologia da Geografia, História Ambiental, Educação Ambiental, Pedagogia Libertária e Alimentação. Foi professor de Geografia e de História de diversas redes públicas nos ensinos fundamental e médio.

Norberto Osvaldo Ferreras

Possui Graduação em História - Universidad Nacional de Mar del Plata (1991, Argentina), obteve o Mestrado em História pela Universidade Federal Fluminense - UFF (1995) e o doutorado em História Social pela Universidade Estadual de Campinas - Unicamp (2001). Entre setembro de 2013 e junho de 2014 realizou estagio pós-doutoral nos Estados Unidos na Harvard University, vinculado à Weatherhead Initiative on Global History. Obteve uma bolsa de pesquisa da "Princeton University Library Research Grants for 2016?2017" entre janeiro e fevereiro de 2017.

Regina Lucia Cerqueira Dias

Tenho uma longa experiência no campo educacional. Atuei como professora de História nos ensinos fundamental e médio em instituições escolares públicas e particulares. A partir de 2002, passei a atuar como docente no ensino superior em cursos de formação de professores. Atualmente sou professora adjunta da faculdade de educação da Universidade Federal Fluminense. Sou também coordenadora do Pré-Universitário Popular Práxis, projeto de extensão vinculado ao Departamento de Fundamentos Pedagógicos da UFF.

Tâmis Peixoto Parron

Professor e pesquisador do Instituto de História da Universidade Federal Fluminense (UFF), atuo no campo de história comparada mundial, com ênfase em capitalismo e escravidão. Atualmente, finalizo um livro sobre a ascensão e crise do escravismo negro nas Américas no primeiro século 19 (1780-1865).

Elisabete Goncalves de Souza

Graduada em Biblioteconomia e Documentação (1987) e em História (1992) pela Universidade Federal Fluminense; mestrado em Educação (1997) pela Universidade Federal Fluminense e doutorado (2012) em História e Filosofia da Educação Brasileira pela Universidade Estadual de Campinas.

Luiz Cláudio Duarte

Graduação em História pela Faculdade de Filosofia de Campos (1985). Especialista em História do Brasil pela Faculdade de Filosofia de Campos (1989). Mestrado em História Social pela Universidade Federal Fluminense (1999 - CAPES 7) e Doutorado em Educação pela Universidade Federal Fluminense (2012 - CAPES 6). Professor Associado do Departamento de História [CHT] do Instituto de Ciências da Sociedade e Desenvolvimento Regional da Universidade Federal Fluminense (UFF).

Paulo Cruz Terra

Paulo Cruz Terra possui graduação em História pela Universidade Estadual de Campinas (2005). Finalizou o mestrado em História na Universidade Federal Fluminense, em 2007, e o doutorado na mesma instituição, em 2012. Sua tese foi premiada, e publicada, pelo Arquivo Geral da Cidade do Rio de Janeiro. Foi professor do Departamento de História, Campus de Campos dos Goytacazes, da Universidade Federal Fluminense, entre 2013 e 2016. Atualmente é professor do Departamento de História, em Niterói, da mesma universidade.

Reginaldo Scheuermann Costa

Possui graduação em História pela Universidade Federal Fluminense (2006). Mestre em Educação pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (2010). Doutor pela Universidade Federal do Rio de Janeiro em Educação (2015) e pós-doutor em Educação pela Universidade Federal Fluminense. Experiência em pesquisa na área de políticas públicas, educação popular, movimentos sociais, ONGs e favela. Foi professor do Departamento de História da UERJ (2016-2017). Atualmente é professor adjunto da Faculdade de Educação da Universidade Federal Fluminense.

Victor Leandro Chaves Gomes

Professor Associado de Teoria Política do Departamento de Estudos Estratégicos e Relações Internacionais (DEI), vinculado ao Instituto de Estudos Estratégicos (INEST) da Universidade Federal Fluminense (UFF). Coordenador do Laboratório de Estudos em Política Internacional (LEPIN/UFF). Doutor em Ciência Política, no ano de 2008, pelo antigo Instituto Universitário de Pesquisas do Rio de Janeiro (IUPERJ). Em 2003, concluiu o mestrado em Ciência Política também pelo IUPERJ como Bolsista Nota Dez da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio de Janeiro (FAPERJ).

Flavia Lages de Castro

Possui graduação em História pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (1992), mestrado em História Social (1997) e doutorado em Ciências Jurídias e Sociais pela Universidade Federal Fluminense (2015). É professora Adjunta do Departamento de Arte da Universidade Federal Fluminense. Participa como docente e como Vice Coordenadora do Programa de Pós Graduação em Cultura e Territorialidades - PPCULT UFF. Foi coordenadora (2014-1017) do Observatório de Economia Criativa do Estado do Rio de Janeiro. É vice coordenadora do Laboratório de Ações Culturais - LABAC - UFF.

Luiz Fernando Saraiva

Possui graduação em História pela Universidade Federal de Juiz de Fora (1995), mestrado (2001) e Doutorado (2008) em História Social pela Universidade Federal Fluminense. É professor adjunto IV do Departamento de História da Universidade Federal Fluminense (Ght/UFF) nas disciplinas de História Econômica e Brasil Império, Professor do Programa de Pós Graduação em História da UFF (PPGH/UFF).

Silvia Patuzzi

Graduada em História pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (1988), mestre em História Social da Cultura pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (1994) e doutora em História Social pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (2011). Leciona e pesquisa História Moderna na Universidade Federal Fluminense, na condição de professora adjunta. Tem experiência na área de História, com ênfase na tradição humanista, entre Antigos e Modernos.

Raquel Luise Pret Coelho

Professora Assistente da Universidade Federal Fluminense. Ministra atualmente as disciplinas de Fundamentos Teóricos em Informação e Análise de Documentos para os cursos de Arquivologia e Biblioteconomia e Documentação, integrantes do Departamento de Ciência da Informação. Doutoranda do Programa de Pós-Graduação em Ciência da Informação da Universidade Federal Fluminense. Mestre em Memória Social pela Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (2010). Arquivista, com bacharelado pela Universidade Federal Fluminense (2012).

Adriene Baron Tacla

possui graduação e licenciatura em História pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (1999), mestrado em História Social pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (2001) e doutorado em Arqueologia, com tese em Pré-história Européia, pela University of Oxford (2007).

Gilmar Rocha

Graduado em História pela Universidade Federal de Juiz de Fora (1986), com mestrado em Sociologia da Cultura pela Universidade Federal de Minas Gerais (1993) e doutorado e pós-doutorado em Antropologia Cultural (Ciências Humanas) pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (2003/2017). Professor do Departamento de Artes e Estudos Culturais (RAE) e do Programa de Pós-Graduação Cultura e Territorialidades (PPCULT), da Universidade Federal Fluminense (UFF).

Paulo Henrique de Carvalho Pachá

Professor de História Medieval na Universidade Federal Fluminense (PUCG) desde 2017. Bacharel e Licenciado em História pela Universidade Federal Fluminense (2009); Mestre em História pela Universidade Federal Fluminense (2012); e Doutor em História pela Universidade Federal Fluminense (2015) com período de estágio no Centro de Ciencias Humanas y Sociales del CSIC (Madri - Espanha, 2013), com bolsa de pesquisa do programa PDSE-CAPES, e na Casa de Velázquez (Madri - Espanha, 2015), com bolsa de pesquisa da própria instituição.

Mario Grynszpan

Licenciado a bacharel em História pela Universidade Federal Fluminense (UFF), mestre e doutor em Antropologia Social pelo Museu Nacional da Universidade Federal do Rio de Janeiro, com pós-doutorado na École des Hautes Études en Sciences Sociales (EHESS), Paris, França.

Elisa de Campos Borges

Possui graduação em Historia pela Universidade Federal de Goiás (2000), Mestrado em Historia Social pela PUC-SP (2005), Doutorado em História Social pela Universidade Federal Fluminense (2011). Tem experiência em História Social, História da América, atuando principalmente nos seguintes temas: América Latina, Movimento Operário, Movimento Comunista Internacional, Partidos Políticos, Ditadura Civil Militar. Professora da Universidade Federal dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri (UFVJM) atuando na área de História da América e História Contemporânea até abril de 2016.

Marcus Ajuruam de Oliveira Dezemone

é doutor em História pela Universidade Federal Fluminense (2008). Possui mestrado (2004), bacharelado e licenciatura (2002) em História pela mesma instituição. É bacharel em Direito pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (2008). Atualmente é professor Adjunto de História do Brasil República da Universidade Federal Fluminense, e professor Adjunto de História do Brasil da Universidade do Estado do Rio de Janeiro, atuando no Programa de Pós-Graduação em História Social na UFF e no Mestrado Profissional em Ensino de História - Prof. História - UERJ.

Claudia Corrêa de Almeida Moraes

Professora Adjunta do Departamento de Turismo da Universidade Federal Fluminense desde 2010. Doutora em Geografia, no Instituto de Geociências e Geografia da Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho" (UNESP/RC). Mestre em Ciências da Comunicação, na Escola de Comunicação e Artes da Universidade de São Paulo (ECA/USP). Licenciada em História no Instituto de Filosofia e Ciências Humanas da Universidade Estadual de Campinas (IFCH/Unicamp), Bacharel em Turismo, na Pontifícia Universidade Católica de Campinas (PUC Campinas).

Fábio Ferreira Ribeiro

Professor Adjunto da Universidade Federal Fluminense (UFF), mesma instituição pela qual Fábio Ferreira obteve o título de Doutor em História, no ano de 2012. Mestre em História Social pelo Programa de Pós-Graduação em História Social da Universidade Federal do Rio de Janeiro, PPGHIS/UFRJ (2007). Possui graduação em História pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, UFRJ (2005). Tem experiência na área de História, com ênfase em História Ibero-Americana (Política e Econômica) e Metodologia de Pesquisa.

Renata Rodrigues Vereza

Possui graduação em História pela UFF (1995), mestrado em História Social pela USP (1998) e doutorado em História Social pela UFRJ (2007). Atualmente é professora do Depto. História da Universidade Federal Fluminense. Tem experiência na área de História, com ênfase em História Ibérica, atuando principalmente nos seguintes temas: história medieval, história iberica, história urbana e conflitos etnicos. Conta com experiência, também, em gestão univeristária, em especial, nas áreas de pesquisa e pós-graduação.

Renato Júnio Franco

Possui graduação em História pela Universidade Federal de Minas Gerais (2003), mestrado em História pela Universidade Federal Fluminense (2006) e doutorado em História Social pela Universidade de São Paulo (2011). É professor do Programa de Pós-graduação em História da UFF, pesquisador do Grupo de Pesquisa "Cia das Índias". Atualmente, é diretor da Eduff.

Susana Cesco

Doutora em História Social pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (2009), mestre em História Cultural pela Universidade Federal de Santa Catarina (2005), bacharel e licenciada em História pela Universidade Federal de Santa Catarina (2003). Professora Recém-doutora (bolsista PRODOC/CAPES) no Programa de Pós-Graduação de Ciências Sociais em Desenvolvimento, Agricultura e Sociedade - CPDA/UFRRJ no período 2010 à 2013.

Edmar Checon de Freitas

Doutor em História pela Universidade Federal Fluminense (2004), mestre em História pela mesma universidade (2000) e bacharel em História pela Universidade Federal do Espírito Santo (1996). Atualmente é Professor Associado do Departamento de História e do Programa de Pós-Graduação em História da da Universidade Federal Fluminense. Trabalha com História Medieval, atuando principalmente nos seguintes temas: Gália merovíngia, cristianismo, Gregório de Tours, Martinho de Tours, monaquismo cristão e hagiografia medieval.

Alexander Seixas da Costa

Possui graduação em História pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (2003), graduação em Direito pela Universidade Federal Fluminense (2004) e mestrado em Direito pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (2009). Professor de historia da Prefeitura Municipal de Macaé e professor assistente de direito civil da Universidade Federal Fluminense. Doutorando no Programa de Pós Graduação Stricto Sensu em Direitos, Instituições e Negócios (PPGDIN)

Alexsander Lemos de Almeida Gebara

Possui graduação em História pela Universidade Estadual de Campinas (1998) e mestrado em História Social pela Universidade de São Paulo (2001) e doutorado pela mesma instituição em 2006. Atualmente é professor de história da África na Universidade Federal Fluminense. Trabalha com pesquisa e docência na área de História, com ênfase em História da África, especialmente com viajantes e relatos de viagem e análise do discurso colonial.

Marcelo Bittencourt Ivair Pinto

Possui Graduação em História pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (1991), Mestrado em Antropologia pela Universidade de São Paulo (1996) e Doutorado em História pela Universidade Federal Fluminense (2002). Atualmente é Professor Associado III do Departamento de História da Universidade Federal Fluminense. Tem experiência na área de História, com ênfase em História da África, particularmente nos seguintes temas: Angola, África Austral, colonialismo, lutas de libertação, intelectuais e memória.

Roberto Moll Neto

Professor de História do Continente Americano II (Contemporânea) do Departamento de História da Universidade Federal Fluminense em Campos dos Goytacazes. Doutor em Relações Internacionais pelo PPGRI San Tiago Dantas (UNESP, UNICAMP e PUC-SP) (2015), mestre em História pelo PPGH-UFF (2010), graduado em História pela UFF (2007) e graduado em Relações Internacionais pela UNESA (2007). Tem interesse em História e Relações Internacionais dos Estados Unidos e da América Latina no século XX.

Julio Cesar Medeiros da Silva Pereira

Possui graduação em História pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (2004), mestrado em História Social pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (2006) e doutorado em História das Ciências pela Fundação Oswaldo Cruz (2011). Atualmente é diretor de estudos e pesquisa - Instituo de Pesquisa e Memória Pretos Novos, coordenador do núcleo de pesquisa histórica - Instituo de Pesquisa e Memória Pretos Novos e professor adjunto da Universidade Federal Fluminense. , atuando principalmente nos seguintes temas: escravidão, doenças, história social, tráfico escravo e morte.

Débora El Jaick Andrade

Doutora em História pela Universidade Federal Fluminense. É Professora Adjunta da área de Teoria e Metodologia da História na Universidade Federal Fluminense -RJ (UFF), desde 2010. Tem experiência na área de História Contemporânea e Brasil Império, com ênfase em Teoria da História, Metodologia e Historiografia. É coordenadora do Laboratório de História Política e Cultura (UFF) e membro do Laboratório de Pesquisas em Teoria da História e Interdisciplinaridades (UFRRJ) e do Laboratório de História Regional e Patrimônio (UFF).

Demian Bezerra de Melo

Professor Adjunto de História Contemporânea do curso de Políticas Públicas da Universidade Federal Fluminense (UFF), do Instituto de Educação de Angra dos Reis, Demian Bezerra de Melo é bacharel em História pela UFRJ (2005), mestre (2009) e doutor (2013) pelo Programa de Pós-Graduação em História da Universidade Federal Fluminense (PPGH-UFF). Foi Prof.

Renato de Mattos

Bacharel (2006) e Licenciado (2007) em História pela Universidade de São Paulo (USP). Mestre (2009) e Doutor (2015) em História Social pela Universidade de São Paulo (USP), ambos com bolsa da Fundação de Apoio à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp). Professor Adjunto II do Departamento de Ciência da Informação do Instituto de Artes e Comunicação Social da Universidade Federal Fluminense (IACS/UFF). Professor do Programa de Pós-Graduação em Ciência da Informação da Universidade Federal Fluminense (PPGCI/UFF).

Fabrina Magalhaes Pinto

Possui graduação em História pela Universidade Federal Fluminense (1999), mestrado (2001) e doutorado (2006) em História Social da Cultura pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro, pós-doutorado em Filosofia pela PUC-Rio (2010) e pós-doutorado em Filosofia pela Universidade Federal de Minas Gerais (2016). Desde 2010, é professora adjunta de História da UFF-PUCG, atuando nas áreas de História Moderna, História Política e Filosofia do Renascimento.

Sérgio Ricardo Aboud Dutra

Possui graduação em Pedagogia pela Universidade Federal Fluminense (1989) e graduação em História pela Universidade Federal Fluminense (1996). Especialista emm Educação e História do Brasil. Atualmente é professor efetivo quadro permanente da Universidade Federal Fluminense trabalhando no curso de Eduação Física. Tem experiência na área de História e Educação Física, com ênfase em formação de professores , atuando principalmente nos seguintes temas: educação, empoderamento,formaçao cultural, promoção à saúde, relações de gênero, diversidade sexual, direitos humanos e sexualidade.

Karla Guilherme Carloni

Professora do Departamento de História da Universidade Federal Fluminense e colaboradora do programa de Pós-Graduação em História da Universidade Federal Fluminense. Possui bacharelado e licenciatura em História pela Universidade Federal Fluminense (2002) , mestrado (2005) e doutorado (2010) pelo Programa de Pós-Graduação em História da Universidade Federal Fluminense e pós-doutorado em História Social na Universidade Estadual do Rio de Janeiro (2013).

Luciano Raposo de Almeida Figueiredo

Professor titular da Universidade Federal Fluminense e editor do site Impressões Rebeldes: www.historia.uff.br/impressoesrebeldes
Graduado em História pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (1982), Mestre e Doutor em História Social pela Universidade de São Paulo (1989 e 1996, respectivamente).

Laura Antunes Maciel

Doutora em História Social (1997) e mestre em História (1992) pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (1997), graduada em História pela Universidade Federal de Mato Grosso (1983). Professora do Programa de Pós-Graduação e do Curso de graduação em História da Universidade Federal Fluminense, desde 2002. Atua como orientadora na graduação e na pós-graduação, participa de conselhos editoriais de periódicos acadêmicos e possui experiência com a elaboração e implementação de propostas curriculares e avaliação de cursos de graduação em História.

Regis Eduardo Coelho Argüelles da Costa

Professor Adjunto de Ciência Política e Educação e Política da Educação no Brasil do Departamento de Fundamentos Pedagógicos da FEUFF (campus Gragoatá). Doutor em Educação (2016) pelo Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Federal do Rio de Janeiro (Políticas Públicas). É mestre em Educação pelo mesmo programa (2011). Pesquisador associado ao Laboratório de Investigação Estado, poder e escola (LIEPE/UFRRJ), e ao Grupo de Pesquisa Estado, Trabalho, Educação e desenvolvimento (GPETED/UFF). Coordena o Grupo de Pesquisa Educação e Poder.

Subscrever História