biopolítica

Publicação

Pesquisador

Antônio Carlos Rafael Barbosa

Professor Associado do Departamento de Antropologia e do Programa de Pós-graduação em Antropologia da Universidade Federal Fluminense. Doutor em Antropologia Social pela Universidade Federal do Rio de Janeiro /Museu Nacional (2005). Tem experiência na área de Antropologia, com ênfase em Antropologia Política, Antropologia Simétrica e Teoria Antropológica, atuando principalmente nos seguintes temas: movimentos minoritários; dinâmicas criminais, grupos marginalizados; políticas públicas sobre drogas; sistema penitenciário.

Monica Maria Raphael da Roza

Professora Associada I da Universidade Federal Fluminense / Departamento de Psicologia de Rio das Ostras, doutora em História das Ciências da Saúde pela Fundação Oswaldo Cruz (2006), mestre em Psicologia Clínica pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (1999), bacharelado e formação em Psicologia pela Universidade Federal Fluminense (1996). Foi consultora do Ministério da Saúde para a implantação da Política Nacional de Humanização da Atenção e da Gestão no SUS (PNH/SUS) entre 2007 e 2011. A partir da pesquisa ?O apoio institucional na Política Nacional de Humanização?

Cezar Migliorin

Professor do Departamento de Cinema e membro do Programa de Pós-Graduação em Cinema e Audiovisual na UFF. Coordenador do projeto nacional de cinema, educação e direitos humanos: Inventar com a Diferença. Doutor pela UFRJ e Sorbonne Nouvelle, na França, com pós-doutorado pela University of Roehampton, na Inglaterra. Foi professor visitante na Universidade de Salzburg na Áustria e na Universidade Louis Loumière - Lyon II, na França. Foi presidente da Sociedade Brasileira de Estudos de Cinema e Audiovisual.

Geisa Rodrigues Leite da Silva

Possui graduação em Comunicação Social pela Universidade Federal do Espírito Santo (1994), mestrado em Comunicação pela Universidade Federal Fluminense (2002) e Doutorado em Letras pela PUC-Rio(2011). É professora do curso de Comunicação Social da Universidade Federal Fluminense desde 2003.

Andre Saldanha Costa

Professor Doutor de Ciência Política, Sociologia e Filosofia da Universidade Cândido Mendes; Professor substituto de Ciência Política do departamento de Ciência Politica da Universidade Federal Fluminense (ano 2018). Doutor e Mestre em Ciência Política pela Universidade Federal Fluminense (UFF) com área de concentração em Fundamentos da Teoria Política. Bacharel em Ciências Sociais pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ).
Tem como principal área de interesse problemas relacionados a Teoria Política Moderna e Contemporânea, Filosofia do Direito e Segurança Pública.

Subscrever biopolítica