Maria Teresa Mattos de Moraes

Niteroiense, possui graduação em História pela Universidade Federal Fluminense (1988) , mestrado em Ciências da Arte pela Universidade Federal Fluminense (2000), e doutora pelo Programa de Pós Graduação em Comunicação da UERJ. É professora assistente da Universidade Federal Fluminense. Tem experiência na área de Artes, com ênfase em Cinema e Produção Cultural, atuando principalmente nos seguintes temas: curta-metragem, cinema - festivais, cinema documentário, cinema - exibição e cinema.
Dirigiu os documentários "Era Araribóia um Astronauta?" (RJ, 27min, cor, 16mm, 1998), ?A Maldita? (RJ, 20min, cor, 35mm, 2007) e "Fantasias de Papel" (RJ, 15min, cor, digital, 2017). Atualmente finaliza o seu primeiro longa "Maldita FM" (RJ, doc, 90min, digital, 2015), Publica artigos em revistas e livros especializados em cinema. Foi coordenadora técnica do estudo ?Diagnóstico Setorial 2007/ Indicadores 2006 dos Festivais Audiovisuais?. Exerce atividades de curadoria para diversos festivais como Amazonas Film Festival (2005 a 2013), CineFoot (desde 2010) entre outros. É idealizadora e diretora da mostra Araribóia Cine ? Festival de Niterói, realizada entre 2002 e 2013.

Quer entrar em contato? Fale com a Assessoria de Imprensa da UFF

Publicações