Lydie Oiara Bonilla Jacobs

Antropóloga, professora de Antropologia e Etnologia indígena no Departamento de Antropologia (GAP-ICHF) da Universidade Federal Fluminense (UFF) e pesquisadora associada ao Centre d'enseignement et de recherche en ethnologie américaniste (EREA - CNRS, UPX-Nanterre). Mestre em Antropologia Social (2000) pelo PPGAS do Museu Nacional (UFRJ), doutora em Antropologia Social e Etnologia (2007) pela Ecole des Hautes Etudes en Sciences Sociales (EHESS).

Atua na área de antropologia, com ênfase em etnologia indígena. Iniciou pesquisas etnográficas em 1996 entre os Javaé de Porto Txuiri, Ilha do Bananal (TO). Entre 2000 e 2002, realizou pesquisa de campo junto aos Paumari da região do médio Purus (AM), onde trabalha até hoje. Concentra-se nos temas do ritual, da predação, do gênero, das transformações e das relações dos Paumari com o patronato amazônico. Em 2009, colaborou com o Departamento de Antropologia da UDELAR (Uruguai). Em 2013, foi consultora para o Ministério do Desenvolvimento Social e do Combate à Fome (MDS/Unesco) para a Pesquisa Etnográfica sobre Bolsa Família e Povos Indígenas, entre os Kaiowá e Guarani da Terra Indígena Takuaraty/Yvykuarusu (MS). Entre 2009 e 2014, como pós-doutoranda no Museu Nacional (UFRJ), iniciou pesquisa sobre as relações entre as cosmopolíticas indígenas e as políticas públicas, temática com a qual segue trabalhando.

Quer entrar em contato? Fale com a Assessoria de Imprensa da UFF