Elisa Frühauf Garcia

Doutora em história pela Universidade Federal Fluminense (2007), onde é professora de história da América colonial desde 2009. Atua também no programa de pós-graduação em história da mesma instituição (PPGH/UFF), orientando teses e dissertações sobre as relações entre as populações nativas e os impérios coloniais europeus. Realizou estágios de pós-doutorado na Universidade Estadual de Campinas (2007-2009) e no Consejo Superior de Investigaciones Científicas/CSIC-Madrid (2015). É membro do grupo de pesquisa Companhia das Índias, da Red Columnaria (Polo Brasil) e pesquisadora do CNPq e da Faperj. Sua tese, As diversas formas de ser índio: políticas indígenas e políticas indigenistas no extremo sul da América portuguesa, foi premiada pelo Arquivo Nacional e publicada em 2009. É autora de artigos em livros e revistas sobre a história indígena nos impérios ibéricos, especialmente nas áreas de fronteira na bacia do rio da Prata. Seus interesses vinculam-se à história das populações nativas e temas correlatos, atualmente com ênfase nas mulheres indígenas.

Quer entrar em contato? Fale com a Assessoria de Imprensa da UFF

Publicações

Revista: Tempo. Revista do Departamento de História da UFF
Título Anoordem crescente doi Idioma
O nascimento do Brasil e outros ensaios: -pacificação-, regime tutelar e formação de alteridades 2018 10.1590/tem-1980-542x2018v240110 Português
O projeto pombalino de imposição da língua portuguesa aos índios e a sua aplicação na América meridional 2007 Português
Revista: História Viva (São Paulo)
Título Anoordem crescente Idioma
Uma América reconstruída 2015 Português
Revista: Americania. Revista de Estudios Latinoamericanos de la Universidad Pablo de Olavide de Sevilla
Título Anoordem crescente Idioma
Conquista, sexo y esclavitud en la cuenca del Río de la Plata: Asunción y San Vicente a mediados del siglo XVI 2015 Espanhol
Revista: Revista de Indias
Título Anoordem crescente Idioma
Resenha do livro Las guerras invisibles; devociones indígenas, disciplina y disidencia en el México colonial 2015 Português
Revista: Tempo (Niterói. Online)
Título Anoordem crescente doi Idioma
Dimensões da liberdade indígena: missões do Paraguai, séculos XVII-XVIII 2013 10.5533/TEM-1980-542X-2013173506 Português
Missões na América ibérica: dimensões políticas e religiosas 2013 10.5533/TEM-1980-542X-2013173501 Português
Revista: Revista de História (Rio de Janeiro)
Título Anoordem crescente Idioma
Solução caseira 2013 Português
Revista: Nuevo Mundo-Mundos Nuevos
Título Anoordem crescente Idioma
Ser índio na fronteira: limites e possibilidades. Rio da Prata, c.1750-1800 2011 Português
Revista: Anos 90 (Online) (Porto Alegre)
Título Anoordem crescente Idioma
Identidades e políticas coloniais: guaranis, índios infiéis, portugueses e espanhóis no Rio da Prata, c.1750-1800 2011 Português
Revista: Varia História
Título Anoordem crescente Idioma
Quando os índios escolhem os seus aliados: as relações de "amizade" entre os minuanos e os lusitanos no sul da América portuguesa (c.1750-1800) 2008 Português
Revista: Anais de História de Além-Mar
Título Anoordem crescente Idioma
De inimigos a aliados: como parte dos missioneiros repensou o seu passado de conflitos com os portugueses no contexto das tentativas de demarcação do Tratado de Madri 2007 Português
Revista: Revista de História da Biblioteca Nacional
Título Anoordem crescente Idioma
Guarani, a língua proibida 2005 Português