Bianca Alcântara da Silva

Possui graduação em Ciências Biológicas - Modalidade Médica pela Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (2002), Mestrado em Ciências (Microbiologia) pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (2005), Doutorado em Ciências (Microbiologia) pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (2009), Pós-Doutorado pelo departamento de Microbiologia do Instituto de Ciências Biomédicas da Universidade do Estado de São Paulo, bolsista CNPQ (2010) e Pós-Doutorado pelo Instituto de Microbiologia Prof. Paulo de Góes, UFRJ. Atualmente é Professora Adjunta A na Universidade Federal Fluminense estando vinculada ao Pólo Universitário de Nova Friburgo. Tem experiência na área de Microbiologia, com ênfase em Micologia e Parasitologia, atuando principalmente nos seguintes temas: expressão de glicoconjugados, proteases e efeito de inibidores proteolíticos na biologia celular de microrganismos. Glicoconjugados de superfície e enzimas proteolíticas participam ativamente em diferentes etapas da relação microrganismo-hospedeiro, tais como: adesão celular, proliferação, diferenciação e escape da resposta imune. Em adição, as enzimas proteolíticas participam de várias etapas do metabolismo microbiano, o que torna esta classe de enzima um alvo em potencial para o desenvolvimento de novos fármacos. Os inibidores de proteases são utilizados na clínica médica no tratamento de diversas patologias, inclusive doenças infecciosas como o HIV. Desta forma, nosso grupo de estudo visa à caracterização bioquímica de glicoconjugados e enzimas proteolíticas em diferentes fungos e tripanossomatídeos patogênicos, bem como a identificação de prováveis funções biológicas para estas biomoléculas. Adicionalmente, avaliamos os efeitos de inibidores proteolíticos sobre a biologia celular destes microrganismos com enfoque no crescimento, diferenciação, ultraestrutura celular e interação com o hospedeiro.

Quer entrar em contato? Fale com a Assessoria de Imprensa da UFF

Publicações

Revista: Current Medicinal Chemistry
Título Anoordem crescente Idioma
Antimicrobial action of chelating agents: repercussions on the microorganism development, virulence and pathogenesis. 2012 Inglês
Revista: Journal of Proteome Research (Print)
Título Anoordem crescente Idioma
Proteomic analysis of the secretions of Pseudallescheria boydii, a human fungal pathogen with unknown genome. 2012 Inglês
Revista: Toxicology Research
Título Anoordem crescente doi Idioma
In vitro and in vivo studies into the biological activities of 1,10-phenanthroline, 1,10-phenanthroline-5,6-dione and its copper(ii) and silver(i) complexes 2012 10.1039/c2tx00010e Inglês
Revista: Mycoses (Berlin)
Título Anoordem crescente doi Idioma
Metallopeptidase inhibitors arrest vital biological processes in the fungal pathogen Scedosporium apiospermum 2011 10.1111/j.1439-0507.2009.01767.x Inglês
Revista: Parasitology Research (1987. Print)
Título Anoordem crescente doi Idioma
A new experimental culture medium for cultivation of Leishmania amazonensis: its efficacy for the continuous in vitro growth and differentiation of infective promastigote forms 2010 10.1007/s00436-010-1775-4 Inglês
Revista: Parasitology Research
Título Anoordem crescente doi Idioma
Major cysteine protease (cruzipain) in Z3 sylvatic isolates of Trypanosoma cruzi from Rio de Janeiro, Brazil 2009 10.1007/s00436-009-1446-5 Inglês
Differential influence of gp63-like molecules in three distinct Leptomonas species on the adhesion to insect cells 2009 Inglês
Revista: FEMS Microbiology Letters
Título Anoordem crescente Idioma
Sialoglycoconjugates in Herpetomonas megaseliae: role in the adhesion to insect host epithelial cells 2009 Inglês
Influence of the endosymbiont of Blastocrithidia culicis and Crithidia deanei on the glycoconjugate expression and on Aedes aegypti interaction 2005 Inglês
Revista: Medical Mycology (Oxford)
Título Anoordem crescente Idioma
Biochemical characterization of potential virulence markers in the human fungal pathogen Pseudallescheria boydii 2009 Inglês
Revista: Acta Tropica
Título Anoordem crescente Idioma
Cellular localization and identification of gp63 homologous metalloproteases in Leishmania (Viannia) braziliensis strains 2008 Inglês
Revista: International Journal of Molecular Medicine
Título Anoordem crescente Idioma
Metallopeptidases produced by group B Streptococcus: influence of proteolytic inhibitors on growth and on interaction with human cell lineages 2008 Inglês
Revista: Current Microbiology (Print)
Título Anoordem crescente Idioma
Extracellular peptidases in the fungal pathogen Pseudallescheria boydii. Current Microbiology 2006 Inglês
Revista: FEMS Immunology and Medical Microbiology (Print)
Título Anoordem crescente Idioma
Secretion of serine peptidase by a clinical strain of Candida albicans: influence of growth conditions and cleavage of human serum proteins and extracellular matrix components 2006 Inglês
Revista: Research in Microbiology (Paris)
Título Anoordem crescente Idioma
Pseudallescheria boydii releases metallopeptidases capable to cleave several proteinaceous compounds 2006 Inglês
Revista: Experimental Parasitology
Título Anoordem crescente Idioma
Trypanosoma rangeli: differential expression of cell surface polypeptides and ecto-phosphatase activity in short and long epimastigote forms 2006 Inglês
Revista: Parasitology (London)
Título Anoordem crescente Idioma
Leishmanolysin (gp63 metallopeptidase)-like activity extracellularly released by Herpetomonas samuelpessoai 2006 Inglês