Traçando mapas: a teoria histórico-cultural e as contribuições para a pesquisa com crianças e suas espacialidades