Parede medial do seio cavernoso: dura-máter ou tecido conectivo frouxo? Revisão sistemática da literatura