A noção fenomenológica de existência e as práticas psicológicas clínicas