Há um espaço real dentro do espaço visual?