DISCURSO CIENTÍFICO E LEGITIMAÇÃO POLÍTICA: HANSENÍASE E ISOLAMENTO COMPULSÓRIO (BRASIL, SÉCULO XX)