Da 'alterglobalização' à 'indignação': reconstruindo as redes sociais no início do século XXI