A construção de uma outra ontologia geográfica: a contribuição de Heidegger