Arquitetura da violência: a arquitetura antimendigo como eureca da regeneração urbana